Orçamento Federal prevê a criação de 28.957 vagas para 2015

O Governo Federal encaminhou ao Congresso Nacional o Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) para 2015 que prevê a criação de 28.957 cargos para o próximo ano. Todos os postos serão destinados para preenchimento por meio de concurso público. 
A margem de abertura de vagas será de aproximadamente 39% inferior ao que foi apresentado no PLOA 2014, que era de 47.782 postos. Com isso, provavelmente, no ano que vem a disputa por um cargo será ainda mais acirrada. Do total de oportunidades, 13.974 serão para o Poder Executivo (que terá o maior número de ofertas), 9.177 para o Poder Judiciário, 3.897 para a Defensoria Pública da União, 1.879 para o Ministério Público da União e o Conselho Nacional do Ministério Público e 30 para o Poder Legislativo. A distribuição por órgãos pode ser consultada no anexo ao lado.
A previsão é de sejam abertos até 8.222 vagas para o MEC (Ministério da Educação), ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar), Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e outros; 550 para o Insaes (Instituto Nacional de Supervisão e Avaliação da Educação Superior); 1.358 para o DPRF (Departamento de Polícia Rodoviária Federal); 203 para CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público); 1.676 para o Ministério Público da União; 30 para a Câmara dos Deputados; 180 para o Supremo Tribunal Federal; 724 para a Justiça Federal; 6.956 para Justiça Eleitoral; 719 para Justiça do Trabalho; 598 para Justiça do Distrito Federal e dos Territórios; dentre outros.
Além disso, no próximo ano, a quantidade de vagas a serem preenchidas será de 41.244, sendo que para 2014 era de 68.172. Uma queda de 39% no índice decontratações.
Caso todas as oportunidades sejam ocupadas em 2014, a despesa anual será de quase R$ 2,5 bilhões. 
Fonte:blog.euvoupassar.com.br

Eliane Reis

Fundadora do Momento de Estudar. Bacharel em Ciências Contábeis pela Universidade Federal de Uberlândia. Servidora Público Federal como Técnico Administrativo em Educação. Especialista em Gestão de Negócios e Marketing. Professora desde 2016. Acredita que a educação muda vidas.

error: Conteúdo Bloquado!!