Feliz dia do Servidor Público!

No último dia 16 eu completei 6 anos de serviço público depois de muitas experiências na iniciativa privada e hoje não me vejo fazendo outra coisa se não no setor público. Mas é preciso ponderar algumas coisas e vou deixar aqui uma reflexão para aqueles que sempre me perguntam o que é melhor (público ou privado) ou se devem também seguir esse caminho. Lembrando que essas são dicas e reflexões baseadas na minha experiência pessoal e também na minha experiência enquanto profissional que trabalha no setor de Gestão de Pessoas.

1º Serviço público é para servir ao público como é muito bem descrito no termo mas muitas pessoas se esquecem que você lidará diretamente com a sociedade ou suas ações e atividades terá ela como seu fim. É importante você ter essa noção antes mesmo de escolher esse caminho. Você gosta de servir ao próximo? Se importa com a sociedade ao qual você pertence? Gostaria de fazer diferença e destinar seu tempo e força de trabalho para uma comunidade?

2º O autoconhecimento pode te ajudar muito nessa decisão. Pense o que é importante para você, quais seus valores, qual área gostaria de trabalhar, quais atividades são difíceis ou insuportáveis para você, o que seria negociável e inegociável, onde (qual cidade ou região) você gostaria de morar, sua família pode te acompanhar caso precise se mudar para outras regiões do país? Se você escolher por um concurso escada (aquele que temos a intenção de subir os níveis aos poucos através da aprovação em outros cargos de níveis maiores) você terá disponibilidade e paciência para continuar estudando por mais um tempo?

3º Nem tudo são flores, existem problemas na iniciativa pública assim como na iniciativa privada. Não romantize que tudo será lindo e mágico depois que você tomar posse em um cargo público. O serviço existirá, alguns bons outros ruins, você também precisará lidar com pessoas, colegas e situações difíceis que existem por toda parte, nem todos os órgãos são informatizadas ou possuem uma boa estrutura física e tecnológica. Enfim são várias as problemáticas…

4º É importante pensar na atividade que será desempenhada antes mesmo de se pensar na remuneração. Existem muitas pessoas que acabam tomando esse caminho por causa da remuneração mas se esquecem que para receber esse salário precisarão desempenhar uma atividade por um mês inteiro e depois por muito e muito tempo caso você não decida sair ou seja aprovado em outro cargo. Com isso acabam se frustrando com a carreira e em muitos casos se tornando profissionais amargos e sem comprometimento. E dai vem a péssima fama que muitos atribuem ao serviço público. E não podemos generalizar! Existem muitos bons profissionais e muita gente boa, comprometida e profissional por todos os cantos do país. Se você quer conhecer as atividades converse com algum profissional que já exerce essas atividades, vários órgãos aceitam visitas, existe muitos profissionais compartilhando nas redes sociais o dia a dia dos cargos. Faça suas pesquisas!

5º O ingresso não é imediato! Não mesmo! Para se tornar um servidor público é preciso estudar, as vezes estudar muito porque a concorrência está cada vez mais apurada. E quando você consegue aprovação precisa aguardar todos os tramites de um processo seletivo. Muitas vezes você é aprovado agora e só vai começar daqui muitos meses ou alguns anos. A paciência precisa reinar por aqui. Então se você quer ingressar, antes de tudo precisa traçar um plano B para ir vivendo ou sobrevivendo até que tudo aconteça. No meu caso por exemplo lembro que a prova foi em novembro/dezembro de 2013, a nomeação só saiu em setembro de 2014, tomei posse e entrei em exercício dia 16 de outubro de 2014. Fora os outros que fui aprovada em 2013 e até hoje não fui nem nomeada kkk pasmem! Também pode acontecer!

6º Dai você escolheu sua área, já está de olho em algum edital e já está estudando. Você precisa verificar onde será seu local de trabalho (sua lotação) e se você tem disponibilidade para assumir o cargo naquela localidade. Eu trabalho na Gestão de Pessoas e recebemos pessoas de diversas localidades do país e as vezes até de outros países. E muitas vezes não é negociável o local de trabalho ou talvez a localidade seja distante da sua família. Você precisa estar disposto a se mudar ou assumir a barreira de escolher cargos disponíveis apenas perto da localidade que você mora ou quer morar. Quando os candidatos já possuem conjugue e filhos isso pode ser um problema. Conheça as lotações e converse com sua família.

7º Ainda sobre a remuneração gostaria de ressaltar que muitas áreas dentro da iniciativa privada podem oferecer uma remuneração igual ou superior ao oferecido pela iniciativa pública. As vezes muitas pessoas passam anos estudando sonhando com um determinado cargo só pelo dinheiro e se esquecem que elas poderiam conquistar essa ou melhor remuneração apenas aperfeiçoando seus conhecimentos na sua área de formação na iniciativa privada. Então é bom ponderar isso quando o assunto é remuneração. O dinheiro não pode ser o fator determinante para essa escolha.

8º Em raras exceções, caso você não seja aprovado em outro cargo ou se o órgão não possui uma variedade de atividade, pode ser que você fique ali fazendo as mesmas atividade por muitos e muitos anos. Se você ficar por lá é capaz de desempenhar a mesma coisa até se aposentar e isso pode ser muito importante para algumas pessoas assim como é para mim. Existe uma rotina para vários cargos e se você se incomoda com isso precisa também ponderar a rotina. Mais uma vez, pesquise sobre o cargo.  Outro benefício é que como as rotinas são bem definidas são raras as exceções em que a jornada de trabalho precisará ser estendida, também não existirá compra de férias e mesmo em regime de plantão os limites são bem estabelecidos e esses detalhes fazem grande diferença na vida de um trabalhador.

9º O serviço público pode ser um bom meio para mudarmos de vida, para elevarmos a situação econômica de nossa família. Existem muitos e muitos relatos de pessoas que ao iniciar o exercício  em determinado cargo foi possível mudar de cidades das quais não gostavam, deixar relacionamentos que não se sentiam mais felizes, dar uma melhor condição de vida para os familiares, melhorar a educação dos filhos, ter melhor qualidade de vida. São muitas possibilidades e com toda certeza nossa vida pessoal é impactada pelo serviço público.

10º São muitos benefícios e nesse momento eu gostaria de destacar o que para mim está sendo mais valioso e desafiador que é o trabalho remoto durante essa pandemia. Vou falar um pouco mais sobre essa experiência num próximo post mas a oportunidade de trabalhar em casa me trouxe (e para tantos outros servidores) a qualidade de vida que estava faltando na rotina louca em que me inseri. E mesmo sabendo que será limitado e que logo teremos que voltar ao trabalho presencial eu agradeço e vivencio cada segundo todos os dias. Mas essa realidade que para mim é uma benção também é um problema enorme para algumas pessoas, então vai muito da experiência e dos gostos de cada um. Mesmo antes da pandemia o trabalho remoto já era realidade em alguns órgãos. Então aqui temos mais uma possibilidade para você colocar na balança e escolher o cargo que tiver mais afinidade com seu perfil.

No meu caso escolhi a área pública porque depois de experimentar várias atividades na minha área de formação dentro do setor privado percebi que nada tinha me agradado até então. Fui mesmo de curiosidade para ver como era e se eu ia gostar da experiência. Hoje estou na área pública mas vislumbro outras atividades dentro da minha área de formação ainda dentro do setor público. E isso precisa ser uma escolha guiada pelo autoconhecimento. Eu me conheço, sei quais são meus valores e vejo o que seria negociável e inegociável para exercer uma atividade profissional. E acredito e defendo que a escolha do cargo precisa passar pelo olhar individual de cada um, os perfis do cargo e do candidato precisam estar alinhados para que a escolha não seja baseada apenas por dados financeiros, que também não importantes, mas não garantem a qualidade do serviço ou a satisfação do servidor.

E você? Já é servidor? É um concurseiro? Tem mais alguma dica para quem quer iniciar essa trajetória? Conta pra gente nos comentários!

Feliz dia do servidor público! É uma honra pertencer!

Abraços!

Eliane Reis

Faça parte dessa comunidade:
BLOG: www.momentodeestudar.com.br
FACEBOOK: www.facebook.com/momentodeestudar
GRUPO NO FACEBOOK: www.facebook.com/groups/184823698542240/
YOUTUBE: www.youtube.com/momentodeestudar
INSTAGRAM: @momentodeestudar
Telegram: https://t.me/momentodeestudar
Email: momentodeestudar@gmail.com




Eliane Reis

Fundadora do Momento de Estudar. Bacharel em Ciências Contábeis pela Universidade Federal de Uberlândia. Servidora Público Federal como Técnico Administrativo em Educação. Especialista em Gestão de Negócios e Marketing. Professora desde 2016. Acredita que a educação muda vidas.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

error: Conteúdo Bloquado!!