Questão 01 – CFC 2018.2|Exame de Suficiência

(CFC/Consulplan/2018.2/Q01) O Balanço Patrimonial da Sociedade Empresária Alfa, encerrado em 31/12/2016, apresentava um ativo imobilizado reconhecido ao valor contábil de R$ 80.000,00. Em 31/12/2017, a Sociedade Empresária Alfa encontrou indicações observáveis de que o valor desse ativo imobilizado diminuiu significativamente ao longo do ano de 2017, mais do que seria de se esperar como resultado da passagem do tempo ou do seu uso normal. Ademais, a Sociedade Empresária Alfa tinha evidências disponíveis, provenientes de seus relatórios internos, indicando que o desempenho econômico desse ativo imobilizado seria pior que o esperado. Sabendo disso, a Sociedade Empresária Alfa, em 31/12/2017, reconheceu a perda por desvalorização desse ativo imobilizado, assegurando que ele estivesse registrado contabilmente por valor que não excedesse seu valor de recuperação.

Informações complementares levantadas sobre esse ativo imobilizado:

  • Em 31/12/2007, as expectativas de mercado para o valor justo desse ativo foram dadas pelos fluxos de caixa futuros líquidos de despesas de alienação, sendo: Ano 2018 R$ 30.000,00; Ano 2019 R$ 20.000,00; Ano 2020 R$ 30.000,00.
  • Os fluxos de caixa futuros líquidos de despesas de alienação foram determinadas com base no valor indicado pelas expectativas de mercado, em 31/12/2017, em relação à vida útil remanescente de 3 anos para esse ativo.
  • Em 31/12/2017, a taxa de desconto que refletia avaliações de mercado sobre o valor do dinheiro no tempo e dos riscos específicos desse ativo imobilizado era de 12% ao ano.
  • Em 31/12/2017, a expectativa era que, ao final de sua vida útil remanescente, o ativo teria valor residual igual a zero. 

Considerando-se somente as informações apresentadas e a NBC TG 01 (R4) – Redução ao valor recuperável de ativos e NBC TG 46 (R2) – Mensuração ao valor justo, assinale, entre as alternativas a seguir, aquela com o valor que mais se aproxima da perda por desvalorização do ativo imobilizado que a Sociedade Empresária Alfa reconheceu contabilmente em 31/12/2017. Considere ainda que se tratou de um ativo individual e que ele não havia sofrido nenhum tipo de reavaliação.

a) R$ 95.017,00.

b) R$ 80.000,00.

c) R$ 64.083,00.

d) R$ 15.917,00.

Comentário: A questão trata de Redução ou Perda ao Valor Recuperável, mas note que ela foi anulada pois nas informações complementares no primeiro item consta “Em 31/12/2007, as expectativas de mercado…” mas esse é um erro de digitação pois todos os dados da questão se passam em 2016, 2017 e a própria questão pede o valor aproximado da desvalorização do ativo imobilizado em 2017. Ou seja, questão anulada.

Mas caso a descrição estivesse correta e ao invés de “Em 31/12/2007, as expectativas de mercado…” dissesse “Em 31/12/2017, as expectativas de mercado…” vamos analisar como ficaria o gabarito da questão:

A questão pede o valor que mais se aproxima da perda por desvalorização do ativo imobilizado que foi reconhecido em 31/12/2017.

Sabemos que o Valor contábil em 31/12/2016 foi de R$ 80.000,00 e o Valor Recuperável será o Valor Justo do que encontraremos através das informações complementares:

Em 31/12/2007, as expectativas de mercado para o valor justo desse ativo foram dadas pelos fluxos de caixa futuros líquidos de despesas de alienação, sendo: Ano 2018 R$ 30.000,00; Ano 2019 R$ 20.000,00; Ano 2020 R$ 30.000,00.
Os fluxos de caixa futuros líquidos de despesas de alienação foram determinadas com base no valor indicado pelas expectativas de mercado, em 31/12/2017, em relação à vida útil remanescente de 3 anos para esse ativo.
Em 31/12/2017, a taxa de desconto que refletia avaliações de mercado sobre o valor do dinheiro no tempo e dos riscos específicos desse ativo imobilizado era de 12% ao ano.

Temos então as informações:

Vida útil remanescente de 3 anos

Taxa de desconto de 12% ao ano

Valores dos Fluxos de Caixa Futuros:

2018: R$30.000,00

2019: R$ 20.000,00

2020: R$ 30.000,00

Vamos então calcular o valor presente dos três períodos para encontrar o Valor Recuperável:

2018 com a calculadora HP 12C:

30.000 CHS FV

1 n

12 i

PV

Encontraremos o valor de R$ 26.785,71

2019 com a calculadora HP 12C:

20.000 CHS FV

2 n

12 i

PV

Encontraremos o valor de R$ 15.943,88

2020 com a calculadora HP 12C:

30.000 CHS FV

3 n

12 i

PV

Encontraremos o valor de R$ 21.353,41

Valor Justo referente 2018, 2019 e 2020:

Valor Justo = R$ 26.785,71 + R$ 15.943,88 + R$ 21.353,41

Valor Justo = R$ 64.083,00

Perda por desvalorização = Valor Contábil – Valor Recuperável

Perda por desvalorização = R$ 80.000,00 – R$ 64.083,00

Perda por desvalorização = R$ 15.917,00

Gabarito Preliminar: D

Gabarito Oficial: Anulada.

Tipos de Prova: Tipo 01 Branca Q01 / Tipo 02 Verde Q07 / Tipo 03 Amarelo Q01 / Tipo 04 Azul Q07

Você nos encontra em:
BLOG: www.momentodeestudar.com.br
Assine nossa NEWSLETTER: https://goo.gl/E8D7Pd
FACEBOOK: https://www.facebook.com/momentodeestudar
GRUPO NO FACEBOOK: www.facebook.com/groups/184823698542240/
YOUTUBE: www.youtube.com/momentodeestudar
INSTAGRAM: @momentodeestudar
Cadastre-se na nossa Lista de Transmissão no Whatsaap https://goo.gl/forms/6IfRUEuEbD6QaotY2




Eliane Reis

Fundadora do Momento de Estudar. Bacharel em Ciências Contábeis pela Universidade Federal de Uberlândia. Servidora Público Federal como Técnico Administrativo em Educação. Especialista em Gestão de Negócios e Marketing. Professora desde 2016. Acredita que a educação muda vidas.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

error: Conteúdo Bloquado!!