Questão 35 – CFC 2018.1|Exame de Suficiência

Tipos de Prova: Tipo 01 Branca Questão 35 / Tipo 02 Verde Questão 35 / Tipo 03 Amarelo Questão 34 / Tipo 04 Azul Questão 34

(CFC/Consulplan/2018.1/Q35) Em 04/04/2018, os clientes A e B compareceram à empresa Alfa efetuaram compras de mercadorias. Essas compras foram realizadas da seguinte forma:
Cliente A: o valor à vista de suas compras ficaria em R$ 3.000,00, mas ele optou em pagar uma entrada de R$ 289,25 e financiar o restante do valor da compra com acréscimo de juros compostos de 5,2% ao mês, ficando obrigado a pagar o valor nominal da dívida por meio de uma única duplicata com vencimento em 04/06/2018.
Cliente B: o valor à vista de suas compras ficaria em R$ 6.000,00, mas ele também escolheu por pagar parcelado, no entanto, ficou obrigado a liquidar uma única duplicata com vencimento para 04/07/2018. A empresa Alfa cobrou 6,5% ao mês de juros compostos para o pagamento parcelado.

Em 04/05/2018, a empresa Alfa foi ao Banco Beta e descontou as duas duplicatas informadas nas vendas acima. O Banco Beta utilizou a taxa de desconto racional composto (desconto financeiro) de 2,81% ao mês sobre o valor nominal de cada um desses títulos e, então, liberou à Empresa Alfa o valor deduzido os descontos. Com base somente nas informações apresentadas e desconsiderando-se a incidência de tributos, assinale, entre as opções a seguir, o valor líquido aproximado liberado pelo Banco Beta em 04/05/2018. Admita o mês comercial de 30 dias em todas as situações apresentadas.

a) R$ 9.695,18.
b) R$ 9.774,92.
c) R$ 9.967,60.
d) R$ 10.086,29.

Comentário: Vamos começar a resolução relembrando o conceito de Duplicatas Descontadas:
O desconto de duplicatas é uma operação financeira em que a empresa entrega determinadas duplicatas para o banco e este lhe antecipa o valor em conta corrente, cobrando juros antecipadamente.
Embora a propriedade dos títulos negociados seja transferida para a instituição, a empresa é corresponsável pelo pagamento dos mesmos em caso de não liquidação pelo devedor.
Ou seja, as empresas que detém duplicatas a receber de seus clientes podem receber esses valores antecipadamente. Nessa operação, chamada de desconto de duplicata, a empresa não transfere o risco do sacado não honrar sua dívida (risco de crédito). Logo, o título continua registrado como ativo circulante ou não circulante da empresa, conforme previsto no item 29 da NBC TG 38 (R3).
Em essência, a empresa está tomando um empréstimo e oferecendo a duplicata como garantia. O valor recebido pelo adiantamento (empréstimo) deve ser contabilizado como passivo circulante ou não circulante, pelo valor líquido dos encargos cobrados pelo banco. Os encargos cobrados pelo banco devem ser reconhecidos como despesa financeira, na demonstração do resultado, pelo prazo do desconto da duplicata, utilizado a metodologia de taxa de juros efetiva.

Vamos agora a resolução da nossa questão. O enunciado pediu o valor líquido aproximado liberado pelo Banco Beta em 04/05/2018. Note que o valor líquido será representado pelo valor presente onde os valores estarão descontados dos encargos e juros que seriam cobrados no momento futuro.
Vamos iniciar descobrindo qual é o valor cobrado pelas vendas a prazo:

Cliente A: Temos os seguintes dados extraídos do enunciado: Valor total se fosse realizado a vista seria de R$ 3.000,00 o cliente optou por dar uma entrada de R$ 289,25 e parcelar o restante com juros de 5,2% em 04/06/2018.
Valor da dívida sem incidência de juros = R$ 3.000,00 – entrada de R$ 289,25
Valor da dívida sem incidência de juros = R$ 2.710,75

Vamos agora calcular qual será o valor futuro considerando os juros de 5,2% por 2 meses (de 04/04/2018 a 04/06/2018):

FV= VP*(1 + i)^n
FV= 2.710,75*(1 + 0,052)^2
FV= 3.000,00

Com a HP12C:
2.710,75 CHS PV
2 n
5,2 i
FV = 3.000,00

Perceba que o valor da compra mesmo com incidência de juros continuou com o mesmo valor de R$ 3.000,00 mas essa foi uma coincidência, caso o Cliente A tivesse optado por realizar a compra nas Casas Bahia com certeza os juros seriam mais altos e o valor futuro não seria apenas de R$ 3.000,00. Faça o teste utilizando uma taxa de juros mais alta, você vai perceber essa coincidência.

Vamos agora calcular o valor presente utilizando a taxa de desconto oferecida pelo Banco Beta no percentual de 2,81% em 04/05/2018 (ou seja 1 mês de 04/05/2018 a 04/06/2018):

PV= VF/(1 + i)^n
PV= 3.000/(1 + 0,0281)^1
PV= 2.918,00

Com a HP12C:
3.000,00 CHS FV
1 n
2,81 i
PV = 2.918,00
Esse é o valor líquido pago pelo Banco Beta pela duplicata do Cliente A.

Vamos agora aplicar todo esse raciocínio para o Cliente B:
Temos os seguintes dados extraídos do enunciado: Valor total se fosse realizado a vista seria de R$ 6.000,00 o cliente optou por pagar em uma única vez em 04/07/2018 com juros de 6,5%.
Vamos calcular qual será o valor futuro considerando os juros de 6,5% por 3 meses (de 04/04/2018 a 04/07/2018):

FV= VP*(1 + i)^n
FV= 6.000,00*(1 + 0,065)^3
FV= 7.247,70

Com a HP12C:
6.000,00 CHS PV
3 n
6,5 i
FV = 7.247,70

Esse seria o valor total pago com incidência de juros compostos após 3 meses.

Vamos agora calcular o valor presente utilizando a taxa de desconto oferecida pelo Banco Beta no percentual de 2,81% em 04/05/2018 (ou seja 2 mês de 04/05/2018 a 04/07/2018):

PV= VF/(1 + i)^n
PV= VF/(1 + i)^n
PV= 7.247,70/(1 + 0,0281)^2
PV= 6.856,92

Com a HP12C:
7.247,70 CHS FV
2 n
2,81 i
PV = 6.856,92

Concluímos então que o valor líquido das duplicatas descontadas será:
Duplicatas Descontadas = Cliente A + Cliente B
Duplicatas Descontadas = 2.918,00 + 6.856,92
Duplicatas Descontadas = R$ 9.774,92

Perceba que a questão apresenta uma resolução extensa, mas você só precisaria lembrar de calcular o valor futuro de cada Cliente para então realizar o calculo do valor presente para calcular o desconto das duplicatas. Não apavore quando ver questões nesse formato! Deixe ela por último para ter mais tranquilidade na resolução.
Gabarito: B.
Fonte: http://www.portaldecontabilidade.com.br/guia/descontoduplicatas.html
https://cfc.org.br/tecnica/perguntas-frequentes/duplicatas-descontadas/

Participe do Preparatório para o Exame de Suficiência:
Descrição e Cronograma do Curso: https://goo.gl/9nv7KG

Você nos encontra em:
BLOG: www.momentodeestudar.com.br
Assine nossa NEWSLETTER: https://goo.gl/E8D7Pd
FACEBOOK: https://www.facebook.com/momentodeestudar
GRUPO NO FACEBOOK: www.facebook.com/groups/184823698542240/
YOUTUBE: www.youtube.com/momentodeestudar
INSTAGRAM: @momentodeestudar
Cadastre-se na nossa Lista de Transmissão no Whatsaap https://goo.gl/forms/6IfRUEuEbD6QaotY2

 




Eliane Reis

Fundadora do Momento de Estudar. Bacharel em Ciências Contábeis pela Universidade Federal de Uberlândia. Servidora Público Federal como Técnico Administrativo em Educação. Especialista em Gestão de Negócios e Marketing. Professora desde 2016. Acredita que a educação muda vidas.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

error: Conteúdo Bloquado!!