Questões 47 e 48 – CFC 2021.1|Exame de Suficiência

47. (CFC/Consulplan/2021.1/Q47) Em janeiro de 2021, João Perito foi nomeado para a apuração de haveres da empresa SS Ltda. tendo a perícia o objetivo de determinar o valor do Patrimônio Líquido, para fins de pagamento dos haveres ao sócio minoritário Luiz de Souza, que detém 20% das quotas do capital da empresa e está se retirando da mesma. Durante os procedimentos, foi constatado que:
• De acordo com o contrato social da empresa, a distribuição dos lucros é proporcional ao capital social;
• O sócio citado já integralizou totalmente a sua participação no capital social;
• Não há saldo de pró-labore a receber em favor do sócio;
• Não há outros créditos ou débitos a receber e/ou pagar do sócio;
• O Balanço Patrimonial elaborado em 31/12/2020 apresentava os seguintes saldos:

ATIVOR$PASSIVOR$
Ativo CirculantePassivo Circulante
DisponibilidadesR$ 16.000,00FornecedoresR$ 6.000,00
ClientesR$ 20.000,00Obrigações TributáriasR$ 2.000,00
EstoquesR$ 25.000,00
Ativo não CirculantePatrimônio Líquido
ImobilizadoR$ 60.000,00Capital SocialR$ 100.000,00
Depreciações Acumuladas(R$ 6.000,00)Lucros AcumuladosR$ 5.000,00
Total do AtivoR$ 115.000,00Total do PassivoR$ 115.000,00

• Não foram encontrados registros contábeis dos seguintes itens: Despesas diversas (água, luz, outras) referentes ao exercício de 2020 a serem pagas em 2021 – R$ 1.000,00; Provisão de férias com 1/3 constitucional e os respectivos encargos sociais referentes ao exercício de 2020 – R$ 500,00; Venda realizada à vista durante o exercício de 2020 – R$ 5.000,00; Baixa de estoque em 2020 referente à venda não contabilizada – R$ 2.000,00;
• Os demais elementos ativos e passivos estão corretamente classificados e avaliados.

Considerando somente as informações apresentadas no laudo, o perito concluirá que os haveres do sócio Luiz de Souza, em 31/12/2020, na empresa SS Ltda., correspondem a:

a) R$ 21.000,00
b) R$ 21.300,00
c) R$ 23.000,00
d) R$ 23.600,00

Gabarito: B.

Tipos: Prova Branca Q47 / Prova Verde Q47 / Prova Amarela Q47 / Prova Azul Q47

48. (CFC/Consulplan/2021.1/Q48) Em um litígio entre sócios por suspeita de irregularidades foi nomeado um perito contábil para subsidiar a constatação de uma possível fraude contábil relacionada a funcionários fantasmas na folha de pagamento dentro de um prazo estabelecido. Porém, foi recusado porque a empresa investigada pertencia a um inimigo ideológico. Tendo sido aceita a impugnação, o perito foi afastado sem que terminasse o seu trabalho e, para o seu lugar, foi nomeado outro.
Sabe-se que o perito contábil já havia recebido os valores pelo trabalho não realizado e, passados quinze dias, constatou-se a não devolução dos referidos valores. Neste caso, é correto afirmar que o perito contábil pode incorrer na seguinte pena:

a) Os valores serão ressarcidos pelo novo perito.
b) Ficará isento do pagamento dos valores recebidos.
c) Ser impedido de atuar como perito por cinco anos.
d) Terá mais quinze dias para ressarcir os valores recebidos.

Gabarito: C.

Tipos: Prova Branca Q48 / Prova Verde Q48 / Prova Amarela Q48 / Prova Azul Q48




Eliane Reis

Fundadora do Momento de Estudar. Bacharel em Ciências Contábeis pela Universidade Federal de Uberlândia. Servidora Público Federal como Técnico Administrativo em Educação. Especialista em Gestão de Negócios e Marketing. Professora desde 2016. Acredita que a educação muda vidas.

One thought on “Questões 47 e 48 – CFC 2021.1|Exame de Suficiência

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

error: Conteúdo Bloquado!!